Seriados para Maratonar nesse Halloween

18 de outubro de 2016

nove séries diferentes para maratonar em outubro, mês do halloween
Reprodução: desse site aqui.

What's up people, como vão vocês? Eu vou bem, obrigada. E não poderia estar melhor já que estamos no meu mês favorito, fora dezembro, que é o lindo do Outubro. Minha animação toda não é por causa do Dia das Bruxas em si —  mentira, é sim — mas sim porque esse mês marca o retorno de um punhado de séries que acompanhamos. É o mês que acaba com o maior vilão dos seriados, o Sr. Hiatus e eu não poderia mais feliz que isso. Para nós, seriadores, os melhores meses estão entre esse e Novembro porque aquela dor toda de ficar um ano inteiro sem ver nada do nossos crushs diários que criamos com os personagens, vai embora com uma temporada inteira para devorarmos lentamente. Difícil é aguentar o fogo no rabo a curiosidade causada pela abstinência e assistir devagar, para não cometer o famigerado Devorar de Seasons em Um Dia Só. Quem nunca? Mudando de assunto rapidamente: a segunda parte da quarta temporada de Vikings está chegando, gente. Odin que mim segura que eu vou chorar muito na morte de Ragnar, e não é spoiler porque vocês tem que saber a história do Ragnar real né gente, pelamor dos ossos do Ivar.
Anyway, essa época do ano é um prato cheio para quem é um ser das trevas porque as programações, tanto em canais fechados ou aberto, são todos nessa temática terror/horror/suspense. Vão de Baseados em Fatos Reais até comédias de terror, animações com aquela pegada Hayao Miazaky com Tim Burton e até pequenas exibições de pegadinhas de sustos, minhas favoritas. Porém são sempre as mesmas coisas, vez em nunca variam com algum desconhecido e isso me entristece muito. Eu gosto e assisto mas me entristece bastante porque tem tanta coisa nova por aí que fico horrorizada com a falta de divulgação destes. Ah, quem possui TV por assinatura deveria conferir a grade de programação desde a TNT até a HBO, dá pra fazer uma bela sopa de filminhos do nosso gosto, arriscaria aquela sessãozinha pipoca. Na tv aberta também, não deixem de fora, afinal os melhores filmes sempre são disponibilizados pelo SBT — TE AMO, SILVIO SANTOS — mas não vim aqui para falar de filmes e sim de séries. Isso mesmo, aquelas responsáveis por nos deixarem deprimidos em plena terça feira de sol ou num badalada tarde de sábado. E como estou revoltada por não disponibilizarem novidades para nós, e o universo do horror/terror tá cheio de coisa nova, resolvi montar essa postagem para mostrar umas séries novas — algumas nem tão novas assim — que muita gente que não conhece, deveria conhecer. E quem conhece, bom, vai sentir um gostinho de maratona na boca. Sigam-me apenas os que são curiosos. Mentira, sigam-me todos vocês.

1. SALEM


Sinopse: Salem se passa na Massachusetts do século 17 e acompanha a história de Mary Sibley (Janet Montgomery), uma bela jovem casada com um rico membro do conselho da cidade, e que deixou uma antiga paixão para trás quando John Alden (Shane West, de Nikita) partiu para a guerra. John retorna agora, dez anos depois, para Salem, e encontra uma cidade mergulhada em uma louca caça às bruxas.

Começo essa postagem falando sobre Salem porque vocês precisam assisti-la, sério. Como havia dito no twitter uns tempos atrás, o que anda em falta no universo seriador são séries BOAS sobre bruxaria. "Mas Pri, tem tanta série sobre esse assunto por aí", certo mas não caiu no meu agrado. Bem como vampiros, bruxas são um assunto que não pode ser abordado superficialmente, e nos piores dos casos, serem romantizados só para agradar a geração mela cueca chorona de adolescentes que quer ver amor em tudo. Não, eles são seres da noite que buscam praticar o mal para seu bel prazer, temos que aceitar isso ou vamos ter muita coisa que não dá para engolir só porque os produtores querem grana. Mas Salem consegue ser a exceção sem esforços. Sim, é a majestade do Coven de Séries de Bruxas e se vocês não assistiram, assistam porque é uma boa pedida para uma maratona. Suas seasons tem poucos episódios e como são duas, dá tempo de vocês correrem para acompanhar a nova que está chegando já que a história vai te prender do início ao fim sem piscar os olhos até porque, no caso de Salem, bom, vocês irão torcer para os inocentes morrerem. Sim, vocês leram isso.

2. ASH VS EVIL DEAD


Sinopse: Baseada no filme “Evil Dead” (Uma Noite Alucinante/A Morte do Demônio), de 1981. Ambientado 30 anos após o primeiro filme, Ash vs. Evil Dead vai acompanhar Ash (Bruce Campebell retorna para seu papel original), que passou as últimas três décadas evitando responsabilidades, maturidades e os terrores passados. Ele é forçado a enfrentar novamente seus demônios depois que uma praga Deadite ameaça destruir toda a humanidade.

Vamos colocar as cabeças brilhantes de vocês para funcionar: quem aí lembra dos filmes clássicos de THE EVIL DEAD, conhecidos por aqui como Uma Noite Alucinante: A Morte do Demônio? Pois bem, quem já assistiu sabe que The Evil Dead tem um legado imenso e tá na cara que isso é um fator influenciador em muitos filmes de horror/terror que conhecemos. Quem não tá cansado de ver longas com uma cabana endemoniada no meio duma floresta. Pois bem, The Evil Dead é para os filmes com cabanas o que The Shining é para os de hotéis. E claro, não poderia ser diferente caso a STARZ — mesma produtora de Spartacus e Black Sails — resolvesse, ah, fazer uma série com este verdadeiro ícone do terror clássico. Vão por mim, vale muito a pena pegar aquela hora gostosa do dia ou da noite para assistir esse fofurinha. Perfeita para maratonar nesse Halloween, as season vem com apenas 10 episódios, é uma versão modernizada dos filmes por isso temos Bruce Campbell retornando ao papel de Ash Willians para tomar posse de sua antiga personalidade: matador de monstrinhos sanguinolentos. É uma série bastante humorada, não sentirão medo algum já que eles sabem como deixar o sobrenatural bem cômico e está em sua segunda temporada atualmente já que tiveram a ideia brilhante de lançar essa belezura dia 31 de outubro de 2015, data nada específica né?

3. THE STRAIN


Sinopse: Adaptada por Guillermo Del Toro, Carlton Cuse (Lost) e Chuck Hogan, da trilogia literária escrita por Del Toro e Hogan, The Strain conta a história de Ephraim Goodweather (Corey Stoll, de House of Cards), um agente do Centro de Controle de Doenças que é chamado para investigar um caso de vampirismo. Para realizar esta missão, Ephraim se une a Abraham Setrakian (David Bradley), um ex-professor universitário e sobrevivente do holocausto judeu que agora mantém uma loja de penhores.

O que dizer de The Strain que conheço muito bem e já considero pacas? No início do post eu citei que bruxas e vampiros, para mim, tem que ter aquela pegada de mal sim porque embelezar os monstros clássicos para a molecada gostar é matar a história verdadeira dela, né? Pois bem, quem procura algo que aproxime os vampiros de verdadeiros monstros caçadores e apreciadores do extermínio da humanidade, aconselho que vejam The Strain. Não estão convencidos, percebo isso, então quero que apareçam aqueles que manjam dos filmes da vida e me digam o que o nome Guillermo del Toro significa para o mundo cinéfilo. Isso mesmo, The Strain saiu de um livro criado por Guillermo — a trilogia de Noturno — e o dito cujo achou legal ser produtor na série também. Não deu em outra, é umas das minhas favoritas em questões vampíricas desde a finalização de True Blood. Também possui temporadas curtas, com 13 episódios cada e se correr dá tempo para acompanhar a season 3 desse ano. De utilidade pública, ela será finalizada ano que vem em sua quarta temporada. Acrescento que tem From Dusk Till Dawn: The Series para vampiros com pegada mexicana, os culebras, e True Blood para matar a saudade de Sookie Stackhouse e companhia.

4. PREACHER


Sinopse: Preacher acompanha a história de Jesse Custer, um ex-pastor texano em conflito que acaba possuído por uma força espiritual fugitiva do céu chamada Genesis, a qual confere a ele o poder de fazer com que qualquer um o obedeça. Acompanhado de sua ex-namorada Tulipa e o vampiro irlandês Cassidy, Custer vai atrás de Deus a fim de encontrar as respostas que procura.

Conheci Preacher por acaso, mexendo na internet em busca de algo que envolva anjos e demônios já que estava na abstinência de Dominion, sabe? Então me deparei com esse trailer que me chamou a atenção pelo seguinte fato de ser naqueles lugares meio que esquecidos por Deus onde funciona com cidadãos domados pela fé. Dei uma leve buscada no Google e descobri que Preacher vem dos quadrinhos mas foi lendo os comentários no site que em baixo os torrents que descobri que não é exatamente como o quadrinho mas que os fãs estão gostando pra caralho caramba dela. Foi lançada esse ano, é humorada e é de tirar o fôlego porque quando chegarem no fim do último episódio vocês automaticamente irão colocá-la na lista para contar os dias até sua segunda temporada, sim, esse belezura foi renovada. E cara, Jesse Custer é o padre mais gostoso foda gente fina que vocês irão conhecer na sua vida.

5. OUTCAST


Sinopse: A trama de Outcast acompanha Kyle Barnes, um homem que é atormentado por uma possessão desde a infância. Agora adulto, ele embarca em uma jornada espiritual para encontrar respostas - mas o que ele descobre pode significar o fim da vida na Terra como a conhecemos.

Agora vou falar de um assunto polêmico e não são os mamilos do Henry Cavill, é sobre Outcast. Há quem goste, há quem odeie. Há quem não conheça e há quem não se sinta atraído para acompanhá-la. Eu sou a que gosta e que acompanha. Por que? Primeiramente que é para contrariar a opinião alheia — adoro isso — e segundo porque é criada por nada mais, nada menos, que Robert Kirkman. Isso mesmo, criador de The Walking Dead, o homem que conseguiu alimentar ainda mais meu vício sobre os apocalipses zumbi da vida. Tem apenas 10 episódios e vocês irão assistir num dia só de tão gostosa que é a trama e sim, vai entrar na lista para acompanhar a segunda temporada que tá chegando para nós ano que vem. Quem não quer um exorcista a nível expulsamento de demônios com o próprio sangue dele na boca da entidade? KYLE SEU FOFO. ♥

6. PARANORMAL WITNESS


Sinopse: Não asista sozinho! Paranormal Witness é um intenso drama documentário. O Show trás histórias reais de pessoas que viveram experiências paranormais. Usando uma mistura de testimoniais intimistas, fotos reais, e drama realista, esses contos te deixarão de cabelo em pé!

Cadê os amantes de casas assombradas e afins? Quero falar com vocês sobre a palavra de Paranormal Witness então peguem o banquinho e assistam essa belezinha que vai render uma ampla visão sobre o horror em si, sobre as possessões em si. Sabem por que? Porque essa série traz histórias baseadas em fatos reais e é por isso que nos deixa com o cu na mão aquele pensamento encasquetado na cabeça de que: isso realmente existe? Pois é, migos e migas, existe sim. Como é da Syfy, sempre acompanho pela tv mesmo, por isso que quando assumo o controle já sei que o pessoal vai me deixar sozinha na sala. Mas caso vocês sejam do tipo que só sabe falar mal da Syfy peço que assista pelo cunho realista que essa série possui, sempre levando em conta que é tudo baseado em relatos reais de pessoas que queriam poder esquecer dessa tormenta. São em torno de 5 temporadas atualmente, variam de 10 a 20 episódios por season e te dá um desconfortozinho daqueles viciantes. Sério, vale muito a pena.

7. THE ENFIELD HAUNTING


Sinopse:  Trata-se da investigação em torno de misteriosos eventos que ocorreram em uma residência no bairro de Enfield, em Londres, em 1977. A polícia foi chamada pela moradora quando dois de seus filhos disseram ter visto os móveis da casa se mover e ouvido barulhos de batidas no interior das paredes. Os incidentes continuaram ocorrendo durante um tempo, levando trinta pessoas a testemunhar objetos sendo arremessados, móveis se movendo e crianças levitando. Entre os personagens estão pessoas que se dedicam à paranormalidade como Maurice Grosse, casado com Betty. Após a morte de sua filha em um acidente de trânsito, em 1976, Maurice passou a frequentar a Society for Psychical Research, através da qual investigava eventos paranormais. Ao chegar na casa de Enfield, Maurice filmou e gravou diversos eventos ao longo de meses.

Qualquer semelhança com THE CONJURING 2 não é mera coincidência já que The Endfiel Haunting é como um resumo do novo filme de Invocação do Mal, quem assistiu sabe do que estou falando e não apenas pelo fato do casal Warren ter comparecido lá respectiva casa. O mais legal disso tudo é que está cheio de coisas sobre o caso da rua Endfield na internet, desde fotografias, áudios, documentários e filmagens reais do ocorrido. Claro que sempre tem aquela fantasiada que as pessoas dão na hora de relatar o que julgavam ser real mas cabe a cada um de vocês analisar minunciosamente cada coisa vinda até vocês e chegarem as suas próprias conclusões, afinal, como saber se é verdade ou não moveis serem arrastados pela casa ou crianças levitando? Espero que se divirtam com essa pequena investigação, essa minissérie tem apenas 3 episódios e são ricos em detalhes, informações e contexto real. Creio que vocês vão gostar.

8. DEAD OF SUMMER


Sinopse: A série se passa no final da década de 1980, no período de férias escolares durante o verão, e a temporada ensolarada será movimentada em Camp Clearwater, um acampamento de férias do meio-oeste americano aparentemente calmo, onde jovens vão experimentar seus primeiros amores, seus primeiros beijos — e também suas primeiras mortes. Porém, uma antiga e sombria mitologia de Clearwater desperta, e o que era para ser um verão de folia logo se transforma em um período inesquecível de sustos e de terror. Dead of Summer é um programa que mistura gêneros e estilos, enquanto examina a luz e a escuridão de um verão como nenhum outro.

"Mas Pri, tem gente que gosta de série com pegada adolescente". Quero registrar aqui que tentei assistir a tal da série Scream e não gostei, sério. Eu assisto de tudo e quem me conhece sabe que movida na frase "filme ruim é bom pra caralho" mas tentei com todas minhas forças achar algo que prendesse minha atenção nela mas não deu, é teenage demais para meu cérebro aguentar. Porém eu tenho um indicação bem mais melhorada que é a de Dead of Summer, cuja os produtores disseram que seria inspirada em Friday the 13th (Sexta-feira 13). É legalzinha de assistir e vale muito a pena perder aquele dia de folga assistindo ela já que sua season tem apenas 10 episódios e não são tediantes. Como todo slasher adolescente, começa fraquinho e vai melhorando, bem melhor que Scream, vão por mim. Não sei se Dead of Summer foi cancelada, quando souber de algo atualizarei aqui, ok?

9. NOVIDADE: CHANNEL ZERO


Sinopse: A primeira temporada, que recebeu o título de Channel Zero: Candle Cove, é inspirada no conto Candle Cove, de Kris Straub, publicado no site Ichor Falls como se fosse comentários de um fórum. A história gira em torno de misteriosos assassinatos que podem estar relacionados a um programa infantil produzido na década de 1980. Mike Painter (Paul Schneider, de Parks and Recreation, The Divide, The Tunnel) é um psicólogo infantil que, quando pequeno, testemunhou o desaparecimento de seu irmão gêmeo Eddie e de mais quatro crianças que viviam na pequena cidade de Iron Hill em 1988. Agora adulto, ele retorna à cidade para investigar o que realmente aconteceu. No entanto, ele enfrenta a resistência de sua mãe Marla (Fiona Shaw, de True Blood, Maigret), agora uma viúva que não deseja relembrar o passado. A situação se complica quando mais crianças começam a desaparecer.

Primeiramente, vai ter post isolado apenas para Channel Zero aqui no blog Disse o Corvo sim, e se reclamarem começo a lotar essa bodega de coisas no estilo. Brincadeiras, — ou não — a parte, essa série é totalmente baseada em Creepypastas. Isso mesmo, CREEPYPASTAS. Não vou entrar em detalhes porque quero falar dela em um post completo mas só digo isso: assistam. Mas assistam mesmo. Sozinhos. Sem pressa. Enrolados nas cobertas, — ou com o ventilador na cara já que tá um calor insuportável no país todo — comam alguma coisa e deixa a hora passar. Vocês irão sentir que no fundo é bastante perturbador.

▲▲▲

É isso gente, quis variar um pouco nas indicações porque tem muita série que o povo não conhece então por isso evitei falar das mais conhecidas mas não deixem de vê-las também, como Penny Dreadful, The Walking Dead — neste post eu dei 10 motivos para assistir The Walking Dead —, American Horror Story, Stranger Things, Arquivo X, Twin Peaks, Wolf Creek, O Exorcista, Wayward Pines e vai indo. Agora me respondam, qual das citadas acima vocês já assistiram? Gostaram? E quem não assistiu, ficaram interessados em quais? Conta tudo pra Tia Pri que ela ama quando rola aquela interação gigante nos comentários. Ou nas redes sociais, sério, fiz tanta amizade com blogueiras por meio da social midia que fico toda amorzinho, sério. Antes que eu me esqueça, no blog GIRL RECKLESS, da blogayra mais trevosa do planeta, tem indicação de SÉRIE x FILME para quem quiser dar uma fugida do Disse o Corvo. Enfim, então não se acanhem e soltem o verbo aí. Um beijo e um queijo. ♥

8 comentários:

  1. Antes eu adorava filme de terror, hoje já não consigo ver sozinha, será que é medo? rsrsrs, mas valeu pelas dicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério? Eu tive minha fase de "medo" mas foram com filmes na pegada possessão/assombração. Eu tinha uns 16 anos quando isso aconteceu. Haha
      Hoje em dia é como se fosse aqueles filmes normais que assistimos no cinema ou no Telecine. Recomendo assistir novamente, quem sabe o medo era momentâneo? De nada, fiz de coração. Beijo!

      Excluir
  2. As dicas estão excelentes! Eu não gosto muito de filmes de terror, mas ainda assim assisto, vou adicionar na minha lista! Muito bom o post! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada anjo. ♥
      Bom, não são filmes na verdade, são seriados sabe? O post de filmes vai ser liberado qualquer hora que eu não estiver procrastinando ou com pura preguiça, hahahaha.
      Mas fico feliz que tenha gostado, recomendo que comece vendo por Ash vs Evil Dead porque tem mais humor e depois corra para Preacher porque né, quem não gosta de lutas céu/inferno?
      Beijãos.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Aaaaaah, eu amo essa época do ano com todas minhas forças. Como falei no twitter, Halloween para mim é todo dia já que esse é o tipo de universo que vivo dia e noite mas quando chega Outubro eu sinto que o mundo tá se vestindo nele e eu fico é loca.
      Que bom que gostou das séries, o post dos filmes logo sobe no blog também.
      Beijãos.

      Excluir
  4. Ai que tudo! Tem tempo já que quero ver essa primeira série que você citou: Salem. Quando vi que a iriam lançar eu chega me arrepiei de ansiedade para ver.

    Beijos
    Karolini
    womenrocker.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Caraca! Só tem filmão heim.....
    O Haloween já passou, mas vou aproveitar as dicas para esse fds!! :D

    BJOOO

    ResponderExcluir

1. Espalhe amor, e não ofenda.
2. Diga ao Stitch, do Mushroomhead, que a boca dele está muito longe da minha.
3. Leia o post todo antes de comentar, não desvalorize o trabalho de quem criou.
4. Deixe seu bróguinho para eu visitar.
5. Assistam Black Sails, irão se apaixonar. ♥