10 Coisas Para Se Fazer Em Um Dia de Chuva

8 de junho de 2017

Reprodução: Insta @disseocorvo
Comentários que não tenham a ver com o post serão deletados e o dono leva block #pas

Olár humanos, preciso desabafar: suco detox é pior coisa que existe — aaaaaa. Não sei como tem pessoas que gostam. Como muitos sabem, eu prometi que em 2017 eu teria uma rotina alimentar mais saudável e nela estava inclusa os detox porque né, desintoxica e tudo. Sempre tomei o de melancia sabe, mas então resolvi ser mais radical e tomar o famigerado Detox de Clorofila. Quase vomitei no restaurante. Tipo, se eu vomitasse iria parecer aquela cena do filme Exorcista sabe? Eu sobrevivi, claro. Vou continuar com meus Detox de Melancia e com o Rosa porque já estou acostumada mas olha, o treco é h o r r í v e l.
Anyway, quem aí anda curtindo esse frio gostoso feat acolhedor que anda fazendo aqui em Sampa? Sério, por mim ele não iria embora nunca. Sabe, eu vivo em um relacionamento sério de amor e ódio por São Paulo, a Terra da Garoa, porque eu a amo quando tá nesse clima geladinho mas quando tá calor, ah migos e migas, só Odin na causa. Fica tão quente mas tão quente que a sensação térmica fica de dar rolê no inferno entrar em Mordor para jogar o Um Anel. Por isso que digo que aqui só combina com frio e chuva. E como sou uma boa rain lover eu tinha que preparar alguma coisa enaltecendo a chuva, porém...
Eu não sabia como editar essa postagem porque ela já foi: um texto íntimo, um poema, uma ode, uma música, um início de conto e até um mini curta que eu usaria para abrir meu canal. O vídeo não deu certo porque além do corvo aqui não manjar de editor, botei na cabeça que ele estava uma porcaria e desisti de vez. Mas foi conversando comigo mesma sobre o quanto eu amo dias chuvosos que vi a necessidade de listar 10 coisas para se fazer num dia de chuva. Exagerei? Sim. Mas que sagita seria eu se não exagerasse né? Então vamos com a tia Pri ver o que podemos fazer quando tá chovendo.

Reprodução: Tumblr.
Chuva, eu te amo. ♥

"O que mudou em você em 1 ano?"

16 de maio de 2017

Reprodução: Stocksnap
Comentários insignificantes serão deletados e o dono leva block #pas

Olár humanos, como cês tão? Era para eu ter feito esse post quando teve o tema lá na Blogagem Coletiva do BLOGS UP — que agora é um grupo secreto então caso queiram entrar lá (acho que) tem que pedir pra Liz na fanpage deles — mas por vias de procrastinação ou até desânimo, acabei não fazendo nada e fiquei estagnada no tempo. Antes tarde do que nunca. Bom, quem me acompanha nas redes sociais certamente percebeu que tenho um humor bem ácido quanto aos problemas da vida e que nem sempre consigo aceitar as cores que o mundo proporciona. Tentei mudar isso mas well, isso fica para outra postagem. Porém nem tudo por aqui é só hello darkness my old friend, a vida real nos força a encarar os problemas de uma forma tão desumana que isso, meus amigos e amigas, é uma das coisas que mais detesto na fase adulta.
Eu jurei que ia mudar em 2015, na verdade, e eu sinto que muita coisa mudou em mim de 2016 para 2017. Não pensem que foi fácil editar esse post porque não foi mas ele foi necessário para tirar um sapo da minha garganta, então tá mais para um desabafo, até porque meus amigos estão cansados de ouvir meu blá blá blá né, hehe. Não é fácil para mim aceitar que mudei, pode parecer besteira já que muita das coisas listadas abaixo deveria ser mais que obrigação minha mas... Mas nem tudo consegue de adaptar muito bem no ciclo mesquinho da vida humana. Eu me sinto assim, a batalha que travei comigo mesma para mudar o que muitos chamam de birra de filhinha de papai — agradeçam aos que viviam me chamando de mimada por isso ficar na mente até  hoje — foi tanta que eu sentia que podia surtar a qualquer momento. Tomei um pouco de ar, botei a cara no sol e falei: "Priscila, ou você muda essa carcaça de gárgula repugnante que você é ou ficará louca" e goddamn, que negócio difícil foi aceitar que terei que ouvir nãos, talvezes, quem sabe e até "saia de perto".
Pode ser entendiante para vocês mas eu precisava registrar isso aqui no blog, a única forma que me sinto confortável sem ser com áudios de 30min é escrevendo então para mim está sendo uma ajuda bem colossal. Detalhe: levei quase 1 fodendo mês para terminar isso aqui, sendo que era pra ter sido liberado em Março, mas né, bloqueio criativo combinado com procrastinação e decepções com amizade resulta nisso, afinal amizade de infância não é para sempre. But, vamos lá.

Primeiramente, vamos a um hino com a banda que mais demite as vocalistas, Nightwish.